Independente de ter acabado de descobrir que foi traída pelo seu parceiro ou se já sabe há algum tempo, a picada da infidelidade é difícil de curar. Ser enganada é uma grande traição (literalmente) e pode fazer com que você se sinta impotente e emotiva.

Se você está se recuperando de uma revelação dolorosa em seu relacionamento, saiba que não precisa tomar nenhuma decisão agora, e por isso aqui estão alguns pontos que podem te ajudar a decidir o que é certo para si mesma.

Você acabou de descobrir que foi enganada. O que fazer agora?

Descobrir que o seu parceiro foi infiel pode fazer com que você se sinta totalmente impotente. Pergunte a si mesma se você está tomando a decisão correta, se vale a pena ficar e tentar resolver seus problemas de relacionamento.

A coisa mais importante para se ter em mente enquanto processa sua dor é que não precisa tomar decisões imediatas. Quanto mais emotiva estiver nesse momento, que certamente estará, tomar decisões agora irá apenas piorar a situação.

O dia que descobriu a traição e tudo que aconteceu depois

Os primeiros dias e semanas após descobrir a traição tendem a serem os piores e mais solitários da sua vida, e mesmo você não tendo feito nada de errado, pode sentir vergonha e constrangimento perante seus amigos e familiares.

A sua incerteza em relação ao futuro e o pouco de esperança que lhe sobra podem fazer com que você se mantenha em silêncio. E muitas vezes isso é importante, assim você tira esse tempo para você e seus pensamentos, para organizar tudo e poder tomar a melhor decisão.

Há coisas surpreendentes que você talvez nunca soube sobre a infidelidade

Se você é do tipo de pessoa que trai, pode até culpar os seus genes, já que de acordo com uma pesquisa relacionada pela Universidade de Binghamton, de Nova York nos Estados Unidos, cerca da metade de todas as pessoas que possuem o gene DRD4 – que também é conhecido como “buscador de emoções” – estão mais propensas a promiscuidade e infidelidade.

O que fazer em seguida

Independentemente dos motivos do porque isso aconteceu, o seu parceiro foi quem tomou a decisão consciente de colocar os seus desejos como prioridade em relação ao relacionamento de vocês.

Coloque-se de fora da escolha do seu parceiro. A responsabilidade é toda dele e da decisão que ele tomou. Você não tem que pegar para si os problemas dele.

Pare de falar para si mesma que você é quem errou, e se for a sua decisão, aceite que o relacionamento acabou.

Muitas pessoas podem se aproximar, inclusive o seu (ex) parceiro pedindo perdão ou falando que você deve perdoar, mas essa é uma decisão sua, e de mais ninguém. Lembre-se, a culpa é dele, por isso não perca o seu tempo nem a sua energia odiando a amante dele.

Como voltar a confiar em si mesma após uma traição

Passe algum tempo diariamente em silêncio.

Tente orar, meditar, ler uma mensagem inspiradora ou simplesmente respirar fundo. Silencie a sua mente.

Deixe os seus pensamentos irem e virem, eles são apenas pensamentos, não os julgue. Com a mente tranquila, você poderá ouvir o seu coração e aprender a confiar em si mesma novamente.

Se ele te traiu uma vez, irá trair novamente?

Dado o fato da grande quantidade de pessoas que já foram afetadas pela infidelidade – 20% dos homens casados e cerca de 15% das mulheres casadas já traíram seus parceiros de acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade de Chicago – vale a pena explorar suas crenças sobre traidores e suas capacidades de mudança.

Ao assumir que por ele ter te traído uma vez ele sempre irá te trair, você automaticamente está afirmando que ele não possui a habilidade de mudar.

São poucas as pessoas que conseguem colocar a cabeça no travesseiro e dormir tranquilo após ter traído alguém, porém é importante que vocês conversem e resolvam e entendam tudo o que o levou a trair.

Se você foi traída, é bem provável que esteja com milhões de perguntas sem respostas, por isso o ideal é tirar um tempo para você, seus sentimentos e pensamentos.

Quando sentir que já está pronta, sente com ele e tire todas as suas dúvidas para que possam tomar a melhor decisão.

Lembre-se de que ninguém está na sua pele, e que só vocês sabem o que acontece entre quatro paredes, portanto a decisão do divórcio é sua. Com o tempo e as atitudes necessários, você irá saber o que fazer quando descobre que foi traída.

banner-pub_erotica-sexshop-quentes-e-carentes